Porto do Pecém é apresentado no 17º Fórum Anual de Portos & Terminais Brasil

18/05/2016No Comments

O evento acontece até esta quarta-feira (18) no Rio de Janeiro e conta com representantes de todo o país

Divulgação Cearaportos

Divulgação Cearaportos

O presidente do Porto do Pecém, Danilo Serpa, participou nesta segunda-feira (16) do 17º Fórum Anual de Portos & Terminais Brasil, que acontece no Rio de Janeiro até amanhã. Na ocasião, Serpa ministrou uma palestra sobre o porto cearense, a fim de mostrar a sua infraestrutura, o trabalho realizado ao longo desses 14 anos de funcionamento, além de falar um pouco sobre os projetos futuros para o Complexo Industrial e Portuário do Pecém (CIPP).

Durante a apresentação, Danilo Serpa ressaltou o novo momento que o Porto do Pecém está vivendo, mostrando a sua capacidade de movimentar diversos tipos de cargas, receber grandes embarcações, destacando-se diante de outros portos brasileiros. “Queremos mostrar a todos que o Porto do Pecém está apenas começando o seu trabalho. Ainda temos muito o que crescer, conquistar, e estamos buscando isso”, finalizou.

Atualmente, o Porto do Pecém está passando pela obra de segunda expansão, que já alcança 77% de avanço e abrange três novos berços (7 e 8 já estão prontos, e o 9 será entregue até novembro), uma nova ponte de acesso, uma correia transportadora exclusiva para minério de ferro, e, a engorda do quebra-mar. A finalização da obra vai aumentar a capacidade de movimentação anual de Pecém para até 750 mil TEU’s

Serpa aproveitou para tratar sobre as cargas que mais se destacaram no ano de 2015, sendo granéis sólidos e as frutas frescas um dos primeiros do ranking, e sobre a expectativa para o aumento das movimentações este ano. “Estamos buscando novos clientes para o complexo, sem falar na siderúrgica, que começa as suas atividades agora. 2016 será um marco na economia do Estado”, disse. A Companhia Siderúrgica do Pecém (CSP), além das matérias-primas, vai movimentar por meio do Porto do Pecém, em sua fase inicial, 3 milhões de toneladas de placas de aço. “Vamos continuar trabalhando para consolidar este novo momento do Porto do Pecém e esperamos que este ano seja ainda melhor”, disse o presidente.

O fórum conta com a participação de gestores de portos, terminais privados de todo o país e órgãos intervenientes como a Anvisa, Antaq, Ministério do Trabalho e Previdência Social, Receita Federal, Ministério da Agricultura e Abastecimento (MAPA), DNIT e Valec. Até o final do evento, outros portos como São Francisco do Sul, Paranaguá, Maceió, Itapoá, assim como a praticagem, infraestrutura, dentre outros temas ainda serão discutidos durante o evento.

Histórico do Porto do Pecém

O Porto do Pecém começou as suas atividades no ano de 2002 e, desde então, vem apresentando um crescimento rápido e significativo atrelado a ampliação do mix de cargas e obras que foram realizadas. Idealizado para ser um Complexo e não apenas um porto, a gestão atual do Porto do Pecém vem buscando novas oportunidades para o CIPP. O Porto do Pecém, hoje, é uma das prioridades do Governo do Estado, sendo considerado a porta de entrada para grandes investimentos no Ceará.

email

Leia Também:

  1. AVEVA apresenta novidades em encontro anual de usuários no Brasil
  2. Pecém será Porto 24 horas, diz ministro
  3. Porto do Pecém – Obras da segunda expansão do TMUT continuam
  4. Financiamento do BNDES vai permitir expansão do Porto de Pecém
  5. Porto do Pecém cresce 28% nos dois primeiros meses de 2013

Deixe uma resposta


6 − 4 =