Grupo turco Yildirim passa a liderar terminais portuários em Portugal

01/03/2016No Comments

Liderança surge após a compra da Tertir e da empresa de logística Transitex ao grupo Mota-Engil.

O grupo turco Yildirim passou a gerir sete terminais portuários em Portugal, após a operação de compra da Tertir e da empresa de logística Transitex ao grupo Mota-Engil ter sido aprovada pela Autoridade da Concorrência.

Segundo um comunicado hoje divulgado, ”o grupo turco Yildirim passa a liderar a actividade ‘hinterland’ [área de influência directa] dos portos em Portugal”.

card_portos_sines_324 PORTO EM PORTUGALO negócio foi montado pelo Banco Finantia no valor de 300 milhões de euros, equivalente a 553 milhões numa base de ‘enterprise value’ dos activos adquiridos se contabilizássemos 100% dos respectivos capitais sociais.

Os sete terminais de contentores da Tertir têm uma capacidade anual de movimentação de contentores de 2,7 milhões de TEU (medida-padrão equivalente a contentores com 20 pés de comprimento), tendo os restantes dois terminais de carga fraccionada e granéis uma capacidade anual de aproximadamente 4,5 milhões de toneladas.

“Esta transacção representa o maior investimento de sempre feito por uma empresa turca em Portugal e o maior investimento estrangeiro de sempre na actividade portuária em Portugal “, sublinha Gonçalo Botelho, vice-presidente da Comissão Executiva do Banco Finantia  e principal responsável pela transacção.

Gonçalo Botelho adianta que “é intenção do grupo Yildirim no futuro reforçar igualmente o seu compromisso de investimento nos portos portugueses de forma a aumentar a sua actividade, competitividade e fluxo de negócios“.

Além dos sete terminais portuários em Portugal, com esta operação o grupo Yildirim passa a gerir mais três terminais, dois em Espanha e um no Peru, totalizando 10.

A Yilport, sociedade participada do grupo Yildirim, passa a deter uma capacidade total anual de movimentação de contentores de 10 milhões de TEU e uma capacidade anual de movimentação de granéis sólidos de 22 milhões de toneladas, mantendo a sua actual capacidade de carga líquida e ‘ro-ro’ (movimentação de automóveis), devendo passar a constar na lista dos vinte maiores operadores de terminais de contentores a nível mundial.

“Esta transacção representa o maior investimento de sempre feito por uma empresa turca em Portugal, pretendendo a Yilport no futuro reforçar igualmente o seu compromisso de investimento nos portos portugueses de forma a aumentar a sua atividade, competitividade e fluxo de negócios”, acentua o referido comunicado. Leia matéria original em Económico/PT

email

Leia Também:

  1. Compra da Tertir será o maior investimento turco de sempre em Portugal
  2. Grupo APM de terminais visita ANTAQ
  3. Portaria limita expansão de terminais portuários
  4. Terminais portuários da Amazônia estão abaixo do padrão de qualidade
  5. Grupo bloqueia via de acesso aos terminais do Porto de Santos

Deixe uma resposta


1 + = 10